Traduzir:
8 ° Dia - RAVENNA e ASSIS (Levando a sogra pra ver o mundo)

8 ° Dia - RAVENNA e ASSIS (Levando a sogra pra ver o mundo)


Postado em Europa - Itália, em 20/Setembro/ | 3401 Visualizações


 

Acordamos um pouquinho mais tarde hoje, as 6h30 - Vida de turista não é fácil!

Hoje, infelizmente está chovendo, com muito vento, mas a temperatura está um pouco mais alta, por volta de 12 graus.

Duas horas de viagem até Ravenna, cidade conhecida por seus mosaicos e por abrigar o corpo de Dante Alighieri, escritor da Divina Comédia; primeiro a deixar para traz o latim e escrever em italiano.

 

Essa cidade foi a última capital do Império Romano, depois de Roma e Milão, até o ano de 476. Ainda abriga algumas marcas desse tempo.

 

Também é conhecida pelos Piadine (lanches com pão mais fino e geralmente recheio de mortadela).

 

O comércio daqui é muito bom. Para variar, tivemos que tomar um café para poder usar o banheiro.

 

Veja o mapa turístico da cidade:

 

E nossa viagem continua em direção à Assisi (ou Assis como dizemos), na região da Úmbria.

 

Mais duas horas de viagem com paisagens lindas, chegamos a essa pequena cidade de apenas 5.500 habitantes. É patrimônio mundial da humanidade.

 

Quando avistamos a Basílica de São Francisco, de longe já extremecemos as pernas, sentindo todo o clima espiritual que essa cidade tem.

 

Essa é a terra natal de São Francisco de Assis, santo que fundou a ordem dos franciscanos em 1208. Protetor dos pobres e dos animais, tem uma história muito bonita.

 

Antes de começar nosso tour com o guia local, fomos almoçar  no restaurante do hotel Il Castelo, numa espécie de self service.

 

Você vai passando pelo balcão das comidas, pedindo para ser servido do que desejar. Aqui não existe comida por Kg. Paga-se por cada prato escolhido. No meu caso, 12 Euros pagaram um pedaço de lasanha, saladinha e vinho.

Tia Marlene tomando seu cafezinho italiano!

 

A cidade é toda cercada por muralhas. É preciso condicionamento físico, porque tem muito sobe e desce.

 

Fomos conhecer a igreja com um guia local. A Sylvia estava indisposta para andar, e como dentro da basílica tem muitas escadas irregulares, achou melhor nos esperar com a Giullia em um café.

A visita foi muito enriquecedora. Pena não poder fotografar lá dentro para mostrar.

 

São duas basílicas: superior e inferior, além da cripta com os restos mortais de São Francisco, que fica abaixo das duas basílicas.

 

Algumas imagens tiradas do google para terem ideia... Só uma pequena ideia, porque esse lugar realmente tem uma energia muito especial, que faz com que tudo seja diferente!

 

Os afrescos foram feitos por vários artistas, entre eles Giotto. A grande maioria retrata a vida de São Francisco. Alguns caíram com um forte terremoto em 1997.

 

Ponto alto e de extrema experiência de fé: estar frente ao seu túmulo. Meu Deus, como isso foi especial! Um lugar pequeno, com algumas freiras e turistas em extremo silêncio. Podíamos sentir a oração de cada um ali. Agradeci muito por aquele momento!

 

Outro ponto alto, foi ver a vestimenta mais antiga, que o próprio Francisco costurou.

Os três nós que vemos nos cordões dos Franciscanos são para lembrar os seus três pilares: obediência, castidade e pobreza.

 

Quando chegamos ao ponto mais alto da Basílica, saímos por esse jardim que transcreve exatamente nosso sentimento: PAZ!

 

A vista de lá de cima é indescritível! Parece que o horizonte não tem fim...

Tenho certeza que a tia Marlene gostou muito desse lugar, e por isso fiquei muito feliz!

 

Mesmo que você não seja católico, ou não curta passeios por igrejas, não deixe de conhecer esta cidade! É uma das cidades medievais da Europa mais bem conservadas. Vale muito a pena!

 

Veja o mapa turístico da cidade:

 

 

 

Seguimos viagem por mais duas horas e meia até Roma.

Chegamos no Hotel Ergife. Um hotel enorme de 4 estrelas, que fica perto da Via Aurélia, longe de estação de metrô. Se bem que agora nem aguentaríamos mais andar de metrô... O jeito será usar táxi mesmo.

Depois desse dia longo, jantamos no restaurante do hotel mesmo. Muito boa comida!

 

 

Acompanhe a nossa viagem:

1° Dia - Chegando em PARIS

2° Dia - De PARIS a LONDRES de trem / Perdendo o Eurostar em Londres

3° Dia - PARIS

4° Dia - PARIS

5° Dia - PARIS

6° Dia - GENEBRA e AOSTA

7° Dia -  VENEZA

9° Dia - ROMA

10° Dia - FLORENÇA de trem

11° Dia - Retorno ao Brasil

Comentários

Seja o primeiro a comentar sobre esse POST!


Comente:



TAGS

ravenna, ravena, itália, italia, italy, city map, ravenna map, piadine, piazza del popolo, dante alighieri, divina comédia, tomb alighieri, europa, europamundo, de veneza a ravenna, assis, assisi, úmbria, umbria, lombarghia,