Traduzir:
Roteiro de dois ou três dias em BUDAPESTE

Roteiro de dois ou três dias em BUDAPESTE


Postado em Europa - Hungria, em 05/Janeiro/ | 1392 Visualizações


 

Budapeste sem dúvida é uma das cidades mais bonitas que conhecemos!

Fica no incrível leste Europeu e é a sexta cidade mais visitada da Europa. Muitas vezes combinada com Viena e Praga. Uma ótima sugestão de roteiro!

 

Os bairros Buda e Peste eram cidades diferentes, divididas pelo Rio Danúbio. Hoje as duas partes formam a cidade capital da Hungria.

Buda é mais histórica, com o complexo do Castelo de Buda e a incrível vista para o Parlamento (aquela famosa cena de Budapeste).

Peste é mais moderna, com vários pontos turísticos e coisas legais pra conhecer. Ali ficam as principais estações de metrô. Por isso nossa sugestão de hospedagem é no lado de Peste.

Escolhemos o Hotel Central Basílica, que fica bem no coração da cidade e foi excelente pra fazermos tudo à pé! A nova roda-gigante fica bem pertinho!

 

Difícil passar apenas um dia nesse cidade, porque são muitos pontos turísticos imperdiveis. Então aqui vai nossa sugestão de roteiro pra dois ou três dias em Budapeste, considerando que você está hospedado ou iniciará o roteiro no centro da cidade:

 

ROTEIRO DE BUDAPESTE

PRIMEIRO DIA EM BUDAPESTE

 

1. BASÍLICA DE SANTO ESTÊVÃO

Bem na região central fica a principal igreja de Budapeste. Entre as relíquias expostas, está a mão direita do primeiro rei da Hungria.

Lembre-se de não ir de ombros de fora (leve um lenço se estiver calor para cobrir os ombros), pois eu mesma não pude entrar no primeiro dia por isso.

Endereço: Szent István tér 1, 1051

Metrô: linha 1 amarela - estação Bajcsy-Zsilinszky út

Horário: 9h às 19h (aos domingos abre 7h45)

Preço: Gratuito

 

2 - CAT CAFÉ

Nao tomou café ainda? Aproveite pra conhecer esse que é um dos maiores cafés com gatos do mundo! Fica bem próximo da Basílica, atrás dela.

Vou fazer um post especial pra contar tudinho dele! Se você, como nós, ama gatos, não deixe de conhecer!

Endereço: Révay u. 3, 1065

Metrô: linha amarela - estação Bajcsy-Zsilinszky út

Horário: 10h às 21

Preço: Entrada gratuita, veja o menu aqui.


3. THE FAT POLICEMAN STATUE

Volte para frente da Basílica e curta a praça Szent István tér

É lá que fica essa estátua de um policial gorducho, o Tio Karl.

Todo mundo passa a mão na grande barriga do policial, que está até brilhante por isso, pois uma lenda diz que se você esfregar sua mão lá não terá nenhum problema de peso e poderá experimentar todos os deliciosos pratos húngaros kkkk vai que né....

Endereço: Zrínyi u., 1051 (ao lado da Cafeteria Costa Coffee)

Horário: 24 horas

Preço: Gratuito 

 

4. PARLAMENTO HÚNGARO

O local mais fotografado de Budapeste (com certeza você já viu alguma foto) é onde fica a Assembléia Nacional da Hungria. 

O edifício neogótico, construído entre 1885 e 1896, com 40Kg de ouro em tetos e esculturas, tem tours guiados para conhecer o interior.

Endereço: Kossuth Lajos tér 1-3, 1055

Metrô:  Linha 2 vermelha - estação Kossuth Lajos tér

Horário: Exterior - 24 horas / Interior - das 9h às 17h - confira o último horário e  o idioma 

Preço: Exterior - gratuito / Interior - 5800 HUF  – compre seu ticket neste link

 

5. MEMORIAL DOS SAPATOS NO DANÚBIO

Bem pertinho do Parlamento, fica o memorial para homenagear os judeus mortos pelos fascistas do Partido da Cruz Flechada durante a Segunda Guerra Mundial.

Os sapatos eram algo muito caro na época. E os judeus eram obrigados a tirar seus sapatos antes de serem assassinados por tiros, caindo no rio Danúbio para que a água levasse seus corpos embora.

End: Id. Antall József rkp., 1054

Metrô:  Linha 2 vermelha - estação Kossuth Lajos tér

Horário: 24 horas

Preço: gratuito.

 

6 - PONTE DAS CORRENTES

A Ponte Széchenyi das Correntes é a mais famosa de Budapeste, ligando os lados de Buda e Peste através do Rio Danúbio.

Ela é uma ponte suspensa de 375 metros de comprimento e feita de ferro fundido, com enormes leões nos pilares das entradas. 

A ponte tem o nome do Conde István Széchenyi, principal defensor de sua construção. Sua inauguração foi de enorme importância na vida econômica, social e cultural do país. 

A ponte foi aberta em 1849, após a Revolução Húngara de 1848, tornando-se a primeira ponte permanente na capital húngara.

Na Segunda Guerra Mundial, foi explodida pelos alemães que se retiravam durante o cerco de Budapeste, sendo reconstruída e reaberta em 1949.

 

7- CASTELO DE BUDA

O Castelo de Buda é um palácio histórico e lar dos reis húngaros. Desde 1987 faz parte da lista de patrimônios mundiais da UNESCO.

O primeiro palácio foi concluído em 1265, mas o que vemos hoje não é a versão original, já que foi destruído no grande cerco de 1686, quando Buda foi capturada por forças cristãs aliadas.

O palácio de hoje foi finalizado em1769 e foi a sede do regente do Reino da Hungria, Miklós Horthy, entre 1920 a 1944. Na segunda guerra foi bastante deterioriado.

Hoje dentro dele fica o Museu de História de Budapeste, com acervo desde as origens da cidade até o final da era comunicas, e também a Galeria Nacional Húngara.

 

EndereçoSzent György tér 2, 1014, Budapeste, Hungria 

Horários: Museu da História de Budapeste: de terça a domingo de novembro a fevereiro de 10h às 16h / de março a outubro de 10h às 18h

               Galeria Nacional Húngara: de terça a domingo de 10h às 18h

PreçoMuseu da História de Budapeste: HUF 2.000

            Galeria Nacional Húngara: HUF 1.800

 

8. MARCO ZERO e FUNICULAR

Para chegar na parte alta da colina de Buda (e ver o castelo), uma das opções de chegar até ele é pegar um funicular (ida: HUF 1.200 / ida e volta: HUF 1.800). Mas você também pode ir de escada.

E bem em frente ao funicular fica o Marco Zero da cidade.

 

9. BASTIÃO DOS PESCADORES

Não imaginávamos que este lugar seria tão incrível. O Bastião dos Pescadores é uma estrutura construída entre 1895 e 1902 com o objetivo de celebrar o aniversário de mil anos do país.

Ele tem esse nome porque ali ficava o mercado de peixes no local.

As 7 torres representam as 7 tribos fundadoras da Hungria.

O melhor de tudo ssão as vistas a partir do bastião. como o Rio Danúbio cortando a cidade e uma visão panorâmica do edifício do Parlamento (é partir dali aquela foto de Budapeste que a gente sempre vê).

Endereço: Szentháromság tér, 1014, Budapeste, Hungria

Horários: diariamente de 9h às 23h

Entrada: gratuita

 

10. IGREJA DE MATHIAS

A Igreja de Mathias é a mais importante igreja de Buda. 

Além do interior, o telhado é lindo demais!

Foi construída em 1015 por Santo Estêvão, rei da Hungria. O nome original era Igreja da Virgem Maria.

Foi restaurada no no final do século XIX, quando recebeu o nome do Rei Mathias e teve a torre reformada, atingindo 80 metros de altura.

A igreja foi cenário de várias coroações, incluindo Charles IV em 1916 (o último rei de Habsburgo), e também o local dos dois casamentos do rei Mathias.

Endereço: Úri u. 9, 1014, Budapeste, Hungria

Horários: de segunda a sábado de 9h às 17h / domingo de 13h às 17h (os horários podem variar – consulte o site oficial para informações diárias)

Entrada: HUF 1.500

Torre: HUF 1.500 | a cada hora entre 10h e 17h | máximo de 15 pessoas por tour

 

 

 

 

ROTEIRO DE BUDAPESTE

SEGUNDO DIA EM BUDAPESTE

 

1 .CASAS DE BANHOS TERMAIS

Budapeste foi chamada pelos romanos de Aquincum, pela grande quantidade de fontes de águas termais na região. Os húngaros adoram essa experiência com águas quentinhas!

Comece o segundo dia relaxando em alguma das famosas casas de banhos termais, do jeito que os locais mais curtem os fins de semana.

Nós escolhemos o Széchenyi Thermal Bath. Ele é o maior banho termal da Europa e acho o mais bonito também. Foi inaugurado em 1913.

São 18 piscinas, sendo 15 cobertas. A que mais faz sucesso é a descoberta com uma corrente de hidromassagem no meio. É divertido!

A maioria das piscinas é de água quente, chegando até 40 graus! Mas também tem frias, para os dias de mais calor. O legal é ir mudando de uma pra outra.

Tem uma lanchonete com lanches simples e bebidas, mas você também pode levar sua própria comida/bebida. Só nao pode consumir nada de dentro das piscinas (levei uma bronca por estar com uma cerveja na mão, sentada na beira da piscina externa...).

Também é proibido fumar em todos os lugares.

Se precisar, pode alugar toalhas e acessórios.

Endereço: Széchenyi Thermal Bath (Állatkerti krt. 9-11, 1146) 

Metrô: linha amarela - Széchenyi fürdö ou estação Hosök tere (se quiser passar pela praças dos Herois primeiro)

Horário: 6h às 22h (a última entrada deve ser até as 18h)

               Café ao lado da piscina externa: 10h às 19h

Preço: 23 Euros pelo dia todo, com direito ao aluguel de uma cabine pra se trocar e guardar suas coisas (utilizamos e foi ótimo). 

Outras casas de banho legais:

  • Gellért Thermal Bath (Kelenhegyi út 4, 1118, Budapeste, Hungria)
  • Rudas gyógyfürd (Döbrentei tér 9, 1013, Budapeste, Hungria)

 

2. PRAÇA DOS HERÓIS

Saindo do Széchenyi, caminhe pela Praça dos Heróis, que é a maior praça de Budapeste. Dá pra passar um tempão por lá.

Foi inaugurada em 1896 para marcar o aniversário de mil anos da Hungria.

Fica numa das pontas da importante avenida Andrássy, e está rodeada por edifícios importantes, como o incrível Museu das Belas Artes, o Museu de Arte, o Museu de Agricultura, que fica no lindo Castelo de Vajdahunyad, a ponte Széchenyi Lánchíd....

No centro da parte principal tem um grande pilar com o arcanjo Gabriel no topo.  

Metrô: linha amarela - estação Bajcsy-Zsilinszky út

Horário: 10h às 21

Preço: Entrada gratuita

 

 

3. AVENIDA ANDRÁSSY 

 

Voltando do Széchenyi Thermal, descemos na estação para 

A Andrássy (Terézváros – Distrito VI) costuma ser comparada a Champs Élysées, já que é bem larga e com várias lojas chiques. Além das várias lojas de luxo é lá que fica a Ópera de Budapeste.

Vale lembrar que a moeda oficial da Hungria não é o euro, mas sim o florim húngaro (HUF).

 

 

 

4. MUSEU CASA DO TERROR

Impossível não se emocionar com o Museu Casa do Terror, que retrata períodos sangrentos da história húngara. Fundado em 2000, ele possui exposições relacionadas aos regimes fascistas e comunistas na Hungria do século XX e também é um memorial para as vítimas desses regimes, que foram detidas, interrogadas, torturadas e mesmo mortas no prédio pelo Partido da Cruz Flechada e pela Agência de Proteção do Estado. A exposição é incrível, com videos, diversos objetos e muitas informações históricas.

Endereço: Andrássy út 60, 1062, Budapeste, Hungria

Horários: de terça a domingo de 10h às 18h / fechado às segundas-feiras

Entrada: HUF 2000

 

 

 

5. GRANDE SINAGOGA DE BUDAPESTE

De 1859, a Grande Sinagoga de Budapeste é a maior sinagoga da Europa e segunda maior do mundo!

Tem capacidade para  3 mil pessoas.

Foi muito danificada durante a Segunda Guerra Mundial por ataques aéreos na ocupação nazista. A restauração só começou em 1991.

Endereço: Dohány u. 2, 1074, Budapeste, Hungria

Metrô: linha vermelha, estação Astoria

Horários: de março a outubro de domingo a quinta de 10h às 18h / sexta de 10h às 16h

               de novembro a fevereiro de domingo a quinta de 10h às 16h / sexta de 10h às 14h 

               sempre fechada de sábado

Preço: HUF 3.000

 

 

6. CAFÉ NOVA YORK

Termine seu roteiro em grande estilo no famoso Café Nova York. 

Chegue cedo, porque a fila é grande! Mundialmente conhecido, o New York Cafe Budapest foi considerado em 2011 como o café mais bonito do mundo!

Foi  inaugurado em 1894, mas ficou muito destruído durante a Segunda Guerra. Só em 2006 foi restaurado e reaberto.

Vale muito a pena colocar no seu roteiro!

Endereço: Erzsébet krt. 9-11, 1073 

Metrô: Linha vermelha, estação Blaha Lujza tér

Horário: 8h às 24h

ROTEIRO DE BUDAPESTE

TERCEIRO DIA EM BUDAPESTE

Se você tiver um terceiro dia em Budapeste, essas sugestões seguintes serão perfeitas:

 

1. COMPRAS - SOUVENIRS 

o melhor lugar pra compras as lembrancinhas de viagem é na região das ruas Vaci U e Deack Ferenc U (a fashion street).

Além de muitas lojas de souvernirs legais, como nossas queridinhas Zara, Tommy, H&M, Desigual, Foot Loker, Pandora...

Comemos no Hard Rock de lá, bem no cruzamento dessa ruas.

 

2. FLIPPERMUZEUM

mais de 130 máquinas num espaço de 400 metros quadrados! Aberto desde 2014, é o maior museu interativo de máquinas pinball da Europat

Você curte fliperama? Meu marido ama! Eu curti demais também!

São mais de 130 máquinas num espaço de 400 metros quadrados, aberto em 2014.

Tem máquinas de várias décadas, mas não é simplesmente um museu, porque você pode brincar em todas! E sem ter que comprar fichas rs 

Basta pagar a entrada e você pode curtir todos sem tempo limite pra ficar lá dentro. Veja detalhes no nosso post 

 

Endereço: Radnóti Miklós utca 18, Budapeste, Hungria, 1137

Horário de Funcionamento: Quarta - Sexta: 16:30 às 24h00

                                                Sábado: 14:00 às 24h00

                                                Domingo: 10:00 às 22h00

                                               Fechado de segunda e terça

Ingresso: HUF 3000 (menores de 26 e maiores de 62 anos, pagam HUF2000)

Obs: Abaixo de 14 anos só poderá entrar acompanhado de um responsável.

 

3.  BUDAPESTE EYE (Ferris Wheel of Budapest)

Nova atração de Budapeste. Ótimo lugar para fazer a alegria da criançada. O valor do ingresso adulto e de 3.000,00 FL e crianças 1.500,00 FL

Budapest, Erzsébet tér 1051, 1051 Hungria

metrô: Linha amarela ou vermelha, estação Deák Ferenc tér

Seg a Quin 11h às 23h

Sex 12h à meia-noite

sáb 11h à meia-noite

dom 11h às 23h 

Preço: adulto 3mil HUF ou 10Euros/ de 2 a 12 anos 1800HUF ou 6Euros / até 2 anos 300HUF ou 1Euro

 

 

4. SZIMPLA KERT

E se você for "xovem" curta a madrugada no mais famosinho bar em ruínas de Budapeste. Sim! Eles curtem esse estilo de bar/balada com decoração usando objetos antigos, paredes em ruínas, super alternativo. 

Endereço: Kazinczy u. 14, 1075 

Metrô: linha vermelha, estação Astoria

Horário: seg à quinta das 15h às 4h

             sex e sáb das 12h às 4h

             dom das 9h às 4h

menu: http://szimpla.eu/drinks-foods/drinks/szimplakitchen

Comentários

Sandro Ravazi comentou:
"A casa de banhos, com piscinas de várias temperaturas e a casa dos fliperamas são visitas imperdíveis! Vale muito!"


Comente:



TAGS

roteiro de três dias em budapeste, roteiro em budapeste, melhores atrações de budapeste, budapeste, leste europeu, viagem pela europa, eurotrip, pontos turísticos de budapeste, cat café, parlamento de budapeste, banho termal, 2 dias em budapeste