Um Dia Em...
100 Million Reviews 728x90
Traduzir:
Buenos Aires 3° dia - ZOO DE LUJAN (Levando a sogra pra ver o mundo II)

Buenos Aires 3° dia - ZOO DE LUJAN (Levando a sogra pra ver o mundo II)

Postado em América do Sul - Buenos Aires em 12/Outubro | 1142 Visualizações

 

Terça - 22/04/14 

Hoje fomos conhecer um lugar polêmico da Argentina, o Zoo de Lujan.

Imagine poder entrar nas jaulas com os animais?! Foi demais!!!

Para os que acham que os animais são dopados para que não ataquem as pessoas, já já vou dar minha opinião....

 

Bom, vamos às informações práticas:

Depois de pesquisar bastante sobre as formas de chegar à cidade de Lujan, que fica a 75Km de Buenos Aires, concluí que o melhor custo-benefício seria reservar o transporte com a empresa FabeBus pelo site e comprar nossas entradas lá na porta do zoo mesmo.

 

A van custou 104 pesos (+/- R$40,00) por pessoa, ida e volta. O pagamento foi feito na hora de embarcar, nesta cabine da foto acima.

O ponto de partida e chegada era a um quarteirão do hotel, numa passagem subterrânea da 9 de Julio (entre Sarmiento e Cerrito). É uma espécie de estacionamento de várias empresas. Quando você estiver no canteiro central da 9 Julio, verá placas indicando onde deve descer as escadas, com o nome da FabeBus. Você vai estranhar o acesso, mas é isso mesmo....

Saímos as 8h30, e depois de 1h30 de trajeto numa van confortável, chegamos bem na portaria do zoo. Tem que agendar o horário da volta, pra que a van venha te buscar. Agendamos pras 14h45.

 

Eu friso "bem" na portaria, porque o lugar é uma fazenda co uma rodovia em frente, no meio do nada, diferente de qualquer zoológico que você já tenha ido.

 

Entrada: 200 pesos (+/-R$70,00) por pessoa – pagas na entrada.

 

Essas fichinhas coloridas são canhotos pra retirar as fotos que profissionais do próprio zoo fazem. A compra é facultativa, claro.

 

O primeiro impacto quando a gente entra no zoo é com o cheiro forte dos bichos e a certeza de que você na verdade está numa fazenda. Galos, vacas, bois, ovelhas, avestruzes, pôneis... tudo junto e misturado..kkkk

 

O segundo é porque antes de chegar propriamente nos animais, você passa por uma exposição de carros/tratores/caminhões antigos (meio nada a ver com o propósito de estar ali, mas devem ser do dono do zoo....)

 

O terceiro impacto é perceber que, além de entrar na jaula com alguns animais, outros bichos vivem soltos, andando no meio dos turistas. Isso foi bem divertido!

 

A primeira jaula que entramos foi a dos tigres. Medo, pânico, insegurança, arrependimento, aff, tudo junto na hora que você passa pelo portão. Quando você passa a mão nesse gatão (adoro gatos!), tudo isso passa.... até ver o outro tigre andar pertinho de você kkkkk

 

As filas demoravam em média meia hora e você fica uns 3 minutos lá dentro.

O próximo foi o tigre branco. Olhem que carinha mais linda!!!

 

Algumas pessoas são "escolhidas" pra alimentar os animais. Não é todo mundo que pode, até porque eles não estão com fome o tempo todo. Quem tem a sorte fica encantado!

Enquanto um animal está sendo acariciado e fotografado, os outros descansam e esperam o revezamento. Detalhe: eles ficam deitados no caminho que a gente passa!

 

Depois foi o momento mais fofura: os filhotinhos de leão! Eram uns quatro, que se revezavam pra não cansar. Junto com eles tinha sempre um cachorrinho. Uma graça vê-los brincando juntos!

 

Pausa pro almoço, ou no nosso caso, pro piquenique. O zoo tem um espaço bem grande pra descanso e refeição. Quem quiser pode levar sua própria comida ou comer no restaurante deles. Li muita gente reclamando, por isso resolvemos levar nossa própria comida. Foi muito gostoso!

 

Alimentados, fomos conhecer os elefantes. Eles pegam o pedaço de maçã da sua mão. Confesso que foi bem esquisito. Você sente a tromba dele engolindo sua mão. Todo mundo ri!!

 

Tem um viveiro em que você pode entrar e ficar pertinho das aves. O tucano é ainda mais lindo de pertinho!

 

A última jaula que entramos foi a dos leões adultos. Essa fila demorou muito! Mais de uma hora!  Na nossa vez, percebi o esquema e dei uma gorjeta na entrada para o tratador. Ele deixou a gente ficar mais tempo, tirar mais fotos, alimentar, ver o outro leão.... então, esse jeitinho vale a pena.... fica a dica.

Acho que esse foi o momento mais incrível: sentir a língua do leão enorme passando na minha mão pra tomar o leite! Gente, a língua dele é de "lixinha" igual das minhas gatas! Demais!!

 

A gente se arrependeu de ter marcado a van tão cedo, porque tinha muito mais coisa pra ver e interagir (inclusive ursos!). Apesar de ser pequeno, não deu tempo de ver tudo. Acho que o lugar deve lotar todos os dias (fomos numa terça). Então, fica pra próxima!

 

Bom, agora vamos a minha opinião sobre a tal dopagem:

Achei que os bichos são super bem tratados, com muito carinho mesmo. Eles estão sempre alimentados e convivem com humanos desde que nascem. Os tratadores são sempre calmos.

Em várias jaulas, principalmente dos filhotes, nós vimos cachorros convivendo com eles, para que aprendam desde cedo a não atacar.

Acho que a calmaria se deve muito mais ao fato de felinos terem hábitos noturnos e ficam sonolentos durante o dia mesmo. Apesar de darem seus cochilos, eles se movimentavam dentro da jaula.

Quando você entra na jaula, tem várias regras, não é assim chegar já agarrando o bicho. Você não pode colocar a mão na cabeça dos felinos, nas patas, nem no rabo, e tem que tocar com firmeza o animal, sempre no sentido do crescimento dos pelos. Não pode entrar com bolsa ou qualquer objeto "pindurado" que eles possam confundir com  comida.

Se algum animal fica mais agitado ou se resolvem brincar entre eles, a entrada é interrompida até os bichos se acalmarem novamente.

Diante de tudo isso, eu não acredito que os animais estão dopados. Pronto, falei! Se estivessem dopados, não seria necessário tanto cuidado e eles ficariam só dormindo o dia todo.

Na minha opinião, vale muito a pena a visita! É inesquecível!

 

Veja o mapa do zoo:

 

Dicas: -Vá de roupa escura, porque vai se sujar com certeza.

-Pelo amor de Deus, não vá de salto (como vi algumas meninas). As razões são meio óbvias...

-Leve óculos escuros ou boné e abuse do protetor solar. O lugar e todo aberto, quase sem sombra.

-Se estiver chovendo não vá. Aquilo deve ficar um lamaçal só.

-Se quiser ir de ônibus (leva quase 2 horas), é o n° 57, que sai da Plaza Italia em Palermo, e vai em direção a cidade de Mercedes. Mas fique atento porque tem vários ônibus 57, confirme se passa no Zôo de Lujan. Peça pro motorista avisar quando chegar na parada do Zôo, porque a entrada é bem discreta. Leve moedas pra pagar o ônibus, porque não aceita notas.

 

Voltamos realizados e cansados pro hotel. 

Recompostos, fomos jantar no Il Gatto da Av Corrientes (a maioria dos restaurantes fica nessa avenida).

 

Atendimento ótimo, comida muito boa!

 

O couvert ou entradinha na Argentina é obrigatório. Não adianta dizer que não quer ou não comer nada. Terá que pagar do mesmo jeito. 

Nesse, a entradinha era uma delícia! Assim como as pizzas, talharim, sorrentine, hummmmm....

 

Acompanhe nossa viagem:

1º dia - City tour e Show de tango

2° dia - Calle Florida, Galeria Pacífico

4° dia - Rosedal, Jardim Japonês, Casa Rosada,  Café Tortoni

 




COMENTÁRIOS

Elisabete comentou:
"Eu fui e gostei muito e percebi q na jaula dos tigres jovens não pode entrar crianças e quando percebe a presença das mesma eles ficam agitados. Amei muito esse lugar!"


Comente:






TAGS

il gatto, restaurante buenos aires, zoo de lujan, como ir até o zoo de lujan, mapa zoo lujan, onde comer em buenos aires, alimentar leões, na jaula com o tigre, zoológico de buenos aires, fabe bus, fabebus, av corrientes

Um dia em...

Velhinhos do Asfalto



Lugares

América Central +
» Punta Cana
América do Sul +
» Buenos Aires
» Punta Del Este
» Santiago
Brasil +
» Nordeste
» São Paulo - Interior
» Sudeste
» Sul
Estados Unidos +
» Nova York
» Compras
» Grand Canyon
» Las Vegas
» Los Angeles
» Orlando
» Rota 66 Wild West
Europa +
» Áustria
» Holanda
» Viajando de trem
» Alemanha
» Espanha
» França
» Gibraltar
» Itália
» Londres
» Portugal
» República Tcheca
» Suíça

Posts Mais lidos

Próximos Lugares

1431011958.jpg
Praga
1431012203.jpg
Berlim
1435253100.jpg
Punta Cana
1431012613.jpg
Rota 66
1431012727.jpg
Las Vegas

Um dia em...

Todo conteúdo do blog umdiaem.com.br está protegido pela Lei do Direito Autoral 9.610 de 19/02/1998. A reprodução total ou parcial do conteúdo deste site em qualquer outro meio de comunicação, com ou sem fins lucrativos, sem a prévia autorização por escrito da autora é PROIBIDA. Caso queira reproduzir ou adquirir qualquer material entre em contato.
Posts
Sobre Rodas
Dicas
Sobre o blog
Contato
América Central
América do Sul
Brasil
Estados Unidos
Europa

NEWSLETTER



Acompanhe-nos nas mídias sociais

Todos os direitos reservados ® - 2014 - Um dia em. Kombi Design