Um Dia Em...
Traduzir:
Praga - Distrito do Castelo

Praga - Distrito do Castelo

Postado em Europa - República Tcheca em 13/Fevereiro | 818 Visualizações

 

No nosso segundo dia em Praga, após tomar um excelente café da manhã no melhor hotel da viagem (falo mais sobre ele aqui), andamos até a Venceslau Square, que abriga o novo centro comercial de Praga.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Na ponta final da praça fica o Museu Nacional de Praga, e bem ao lado fica a estação Muzeum do metrô, onde embarcamos para chegar ao Distrito do Castelo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Te ensino como chegar lá: Utilizamos a linha A(verde), e descemos 3 estações depois, na Malostranská.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Clique aqui pra ver no google maps onde você vai sair da estação Malostranská para pegar o bonde 

Pegue o bonde 22 e salte na estação Praský hrad (segunda estação durante a subida).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Você vai saltar do bonde aqui (clique pra ver no google maps)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Sugiro antes de entrar, caminhar pelos Jardins Reais (fundos do castelo), onde você pode ter a mesma sorte que nós e ver uma bandinha tocando!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Chegamos à entrada (bilheteria do Castelo).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Entenda: não é um castelo comum. É um conjuto de construções, antigos palácios, igrejas, comércios, casas, ruelas e jardins. Como se fosse uma cidade dentro de outra.

 

Não se paga para entrar na região do castelo, mas sim nas atrações que ficam dentro dele. Então, se quiser só andar pelos pátios, não precisa pagar.

Tem vários tipos de ingressos. Nós optamos pelo "B" pois compreendia todos os principais pontos que gostaríamos de ver (St Vitus Cathedral, o Palácio Real, a Golden lane – rua do ouro, Torre Dalibor e a Basílica de St George)

Também é possível fazer o tour guiado ou alugar um áudio guia (350 CZK por três horas ou 450 CZK por dia). Ah, o ingresso vale por dois dias seguidos. Se tiver disponível mais um dia, pode fazer tudo com mais calma e voltar no dia seguinte.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

É o maior complexo de castelo do mundo, com o total de 70000m2 e é classificado como Patrimônio Mundial da UNESCO.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

(nós entramos pela entrada "I")

O complexo começou a ser construído no ano 880 e foi o lar dos governantes checas. Hoje abriga a sede do governo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Visitamos primeiro o Antigo Palácio Real, que é uma das partes mais antigas do Castelo de Praga (construído em 1135). De todo complexo é o que mais se aproxima de um castelo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Destaque para o enorme salão principal  (salão Vladislav), onde aconteciam as festas e banquetes. É lá que hoje ocorre a eleição do presidente!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

É da varada do Salão Vladislau que se tem belíssimas vistas da cidade. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Estavam comemorando 70 anos do fim da segunda guerra.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Depois fomos à Basílica de St. George. Característica por seus tijolos vermelhos na fachada, é uma das mais antigas igrejas, construída no século 10.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A igreja servia de lugar de sepultura ao membros da dinastia. Em 925, os restos da princesa assassinada Ludmila foram depositados aqui. O túmulo fica logo após subir as escadas da Capela de St. Ludmila.

Ela foi a primeira mártir checa, hoje padroeira da Bohemia. Foi assassinada pela sua nora Drahomira, por achar que tinha mais influência sobre São Wenceslau (seu neto) que a própria mãe.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Também abriga os restos mortais de Vratislas I, enterrado em um gabinete esculpido que data o século XIV.

Por baixo está uma cripta medieval do século XII onde há uma escultura do corpo de uma jovem em decomposição como símbolo da fragilidade humana.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Aguardando o horário de abertura da Catedral de São Vito, nos refrescamos com uma limonada caseira e compramos quinquilharias nas lojinhas de brinquedos, além de ver um pedacinho do museu militar, que fica na torre de pólvora (não estava incluído no nosso ingresso)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A Exposição da História do Castelo de Praga, que fica dentro do antigo Palácio Real, também não fazia parte do nosso ingresso, mas juro, sem querer, entramos. Mostra a milenar história do complexo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Finalmente chegamos ao ponto alto - a Catedral de São Vito, que nesse dia só abriu meio dia.

Toda em estilo gótico, é a maior catedral da República Tcheca. A torres, que chamam atenção de longe, medem quase 100m.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Foram quase 500 anos para ser construída. 

A primeira parte da igreja pode ser vista sem pagar, mas tem uma corda que separa a maior (e melhor) parte da catedral que é paga. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Vale muito a pena pagar a entrada. A arquitetura e os vitrais são incríveis!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ficam lá os túmulos de São Wenceslau, São João Nepomuceno e do Rei Carlos IV, além das joias da coroa (que são guardadas literalmente a sete chaves).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O túmulo de São João Nepomuceno foi feito com 2 toneladas de prata!  A Capela que abriga o túmulo de São Venceslau tem painéis folhados a ouro e pedras semi preciosas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Há um camarote onde o rei participava da missa, para não se misturar com o povo. Ele chegava direto ali por uma passagem que vinha do antigo palácio real.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Saindo da catedral, "começamos a sair" do complexo. Fomos até Golden Lane, a rua de ouro.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A rua foi criada durante a construção da fortificação e faltava de espaço para os 24 atiradores. Eles tiveram que construir casas muito pequenas para suas famílias, utilizando pedra, lama e madeira. Era proibida a construção de janelas.

Mais tarde, ganhou o nome Golden Lane pois os ourives ocuparam as casas.

Na casa 22, entre 1916 e 1917, morou o famoso escritor tcheco Franz Kafka. Hoje abriga uma loja de souvenirs e livros.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A casa 20 ainda mantém a fachada com aparência próxima da original. Lá hoje existe uma loja de cristais da Boêmia;

Algumas foram conservadas para mostrar como eram por dentro, como a casa 15, que era a casa de um dos ourives. O espaço em que moravam e trabalhavam era minúsculo;

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Na rua do ouro também morou uma vidente famosa chamada Matylda Prusová, assassinada pela Gestapo por ter dito que Adolf Hitler morreria logo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

É na golden lane que fica a Torre Daliborka, que abrigava uma prisão no subsolo, hoje expõe armas medievais e instrumentos de tortura usados na época.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

No final da rua de ouro você vai ver um jovem com o "pipi" de ouro, olhando para o futuro. Dizem que dá sorte tocar, então que mal há, né? kkk

Na verdade, ele representa o fim do comunismo, com o órgão dourado mesmo para chamar atenção, pois no comunismo retiravam os pênis das estátuas por se tratar de algo obsceno.

Atrás dele fica o museu dos brinquedos, que não conhecemos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Descemos para a cidade velha pelo muro lateral, apreciando as videiras e a linda vista.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ufa! Esse post ficou enooorme! Mas não tem como ser breve falando de Praga!

Veja no próximo post nossa tarde desse dia, caminhando pela famosa ponte Carlos e experimento o Hard Rock de Praga.

Veja o primeiro dia em Praga aqui, onde conhecemos o centro velho da cidade, o bairro judeu e o famoso relógio astronômico.




COMENTÁRIOS

Edson comentou:
"Eu fui somente uma vez para Praga e estou com muita vontade de ir de noov, acho que não aproveitei muito bem."

rui batista comentou:
"Já fui umas 6-7 vezes a Praga - trabalho e férias - e é cidade que tem sempre algo para nos mostrar, surpreeender. Apenas lamento excesso de turismo... por isso tenho procurado destinos mais serenos :) "

Alessandra comentou:
"Gente, amei esse destino! Quanta riqueza, literalmente, e de detalhes, de história. Viajei junto com vocês! Mais um destino para o bucket list!"

Oscar | www.viajoteca.com comentou:
"O post pode até ter ficado enorme, mas foi uma delicia viajar de volta à Praga através dele... Praga é uma cidade linda e a visita ao castelo é um dos pontos altos de qualquer passeio na cidade. Acho o visual da cidade la de cima fantástico."

Diego Arena comentou:
"Nossa que lindo esse lugar, cheio de detalhes. Nunca fui para Praga, espero em breve conhecer a cidade e com certeza visitarei este lugar. "

Sandro comentou:
"Reserve uma grande parte do dia para esse distrito do castelo, são tantos detalhes e lugares para se ver que o tempo voa e vc nem percebe. Vá! Irá gostar com certeza."


Comente:






TAGS

castelo de praga, dois dias em praga, pontos turísticos de praga, roteiro, como chegar ao castelo de praga, metrô em praga, catedral de são vito, distrito do castelo de praga, golden lane, rua de ouro, mapa turístico

Um dia em...



Encontro de carros antigos:

Velhinhos do Asfalto


Encontre seu hotel:

Booking.com


Parcele em até 12x:



Alugue um carro:



Não viaje sem seguro:

Casal 300 x 250

Siga-nos no instagram:

@umdiaem




Posts Mais lidos

Próximos Lugares

1431012203.jpg
Berlim
1435253100.jpg
Punta Cana
1518493750.jpg
Algarve
1518493800.jpg
Sevilha
1518493845.jpg
Gibraltar
1518493887.jpg
Sicília
1521734603.jpg
Annecy - França
1431012613.jpg
Rota 66
1431012727.jpg
Las Vegas

Um dia em...

Todo conteúdo do blog umdiaem.com.br está protegido pela Lei do Direito Autoral 9.610 de 19/02/1998. A reprodução total ou parcial do conteúdo deste site em qualquer outro meio de comunicação, com ou sem fins lucrativos, sem a prévia autorização por escrito da autora é PROIBIDA. Caso queira reproduzir ou adquirir qualquer material entre em contato.
Posts
Sobre Rodas
Dicas
Sobre o blog
Contato
América Central
América do Sul
Brasil
Estados Unidos
Europa

NEWSLETTER



Acompanhe-nos nas mídias sociais

Todos os direitos reservados ® - 2014 - Um dia em. Kombi Design