Banner Destinos Internacionais 728x90
Traduzir:
Amsterdam

Amsterdam


Postado em Europa - Holanda, em 21/Janeiro | 1396 Visualizações

 

 

Amsterdam - Holanda (Esticadinha a partir de Hannover - Maio 2011)

 

 

Mais um dia de loucura para conhecer mais uma cidade...

Fomos de trem ICE desde Hannover/Alemanha até Amsterdam/Holanda.

O ICE é o TGV da Alemanha. Muito confortável e organizado.

 

Saímos bem cedo de Hannover e chegamos na estação central de Amsterdam ainda no começo da manhã.

Não terei a pretensão de dar dicas sobre Amsterdam, porque o tempo que ficamos por lá foi realmente muito pouco. Andamos meio sem rumo, sentindo o clima da cidade.

Ao sair da estação central, logo em frente está a Damrak, uma rua central não muito bem vista, digamos assim. É cheia de gente e atitudes estranhas. Talvez por essa primeira impressão, eu tenha me desapontado um pouco com a cidade.

Isso é um colchão deixado aí no meio da rua

 

Andando mais um pouco e saindo da região central, logo se vê alguns dos diversos canais. Aqueles que a gente sempre vê em filmes...

 

 

Eu sonhava andar de bicicleta por lá, mas quando se vê que 99% das pessoas estão de bicicleta, acho que é necessário um pouquinho mais de habilidade, tanto com a própria magrela, quanto com o trânsito delas, que é simplesmente uma loucura! A gente é quase atropelado o tempo todo! kkkk

Esqueçam aquela imagem de gente tranquila com sua bike, andando sem destino por aí... Pareceu-me que estavam todos atrasados pro trabalho!!! kkkk

 

Não sei se demos muito azar ou se porque era um dia após o Dia da Rainha, mas aquilo fervia de gente de bicicleta em grande velocidade. Se não tomar muito cuidado, pode ser atropelado mesmo....

Por falar em Dia da Rainha, chegamos no dia seguinte à festança. A cidade estava imunda e fedida.

Amsterdam é linda demaaaais, mas sem o fedor de urina por todo canto ficaria bem melhor... Se bem que, pra falar a verdade, eu queria mesmo era ter ido no feriado. A festa deve ter sido demais! Veja essa fotos tiradas do Google Images:

 

A arquitetura da cidade é bem diferente, e um pouco... torta kkkk

 

A maconha não é tão livre assim como se pensa, pelo menos não na rua ao ar livre. Pra fumar fora de casa, é preciso estar em um coffeshop, que de café não tem nada.

Lá eles tem um cardápio com diversas opções, inclusive pra iniciantes...

 

Os souvenirs aqui são bem originais...

 

As vitrines então... inclusive as de mulheres...isso mesmo! Em vitrines, como nessas abaixo, as prostitutas literalmente se expõem para os clientes escolherem....

 

Em vários lugares a gente viu essa loja/lanchonete Febo, que vende salgados, lanches, etc de um jeito diferente. Você olha a vitrine de forninhos, escolhe qual quer, coloca a moeda e abre a portinha pra pegar sua comida. Simples, rápido, sem fila...

 

Almoçamos panquecas num café muito gostoso. Para acompanhar: Heineken!

 

 

O restaurante ficava atrás do Rijksmuseum, pra onde fomos depois:

 

 

Nos apertamos para tirar as fotos clichês no Iamsterdam:

 

 

Visitamos um museu /fábrica de diamantes:

 

 

Ali perto fica o Museu Van Gogh

 

Imitamos os locais e ficamos sentados um tempo no gramado apreciando o vai e vem das pessoas. De lá víamos a Ópera Concert Gebouw:

 

 De longe, o que mais gostamos na cidade foi o Heineken Experience:

A antiga fábrica da Heineken, e primeira fábrica de cerveja da Holanda, foi construída em 1867. Hoje é um museu sobre a cervejaria.   

 

 

Durante a visita, de um jeito muito moderno, são utilizados aparelhos multimídia para que os visitantes possam ver, ouvir, cheirar, sentir e apreciar a cerveja.  Como também é um museu, vimos os enormes tanques de fermentação usados antigamente no preparo da cerveja.

 

Percorre-se um caminho com campanhas publicitárias da marca em diferentes épocas

 

Nessa parte eles ensinam como deve ser tirado o copo de chopp. E claro que a gente aproveita pra degustar...

 

 

Quase no fim tem uma experiência muito legal. Difícil de descrever. As pessoas ficam sentadas em pufes e, como se em todo lugar, teto e paredes, virasse uma balada multimídia muito diferente, com vídeos e música muito alta!

A visita termina com mais degustação! Cada um tem direito a dois copos. Eles controlam pelas pulseirinhas que você ganha na entrada, que vem com dois pins, retirados a cada copo. Proost o Geluch!

 

Fizemos tudo à pé. É muito fácil andar por lá. Veja o mapa:

 

 

Apesar da primeira impressão, que descrevi no comçeo do post, eu gostei muito da cidade, e com certeza voltaria pra ficar mais tempo!

Mais um pouquinho de Amsterdam e....hora de voltar pra casa (ou melhor, pra Hannover)!

 

Nosso viagem de volta teve duas baldeações, mas, estamos na Europa e de ICE! Então, isso não foi problema!

 

Veja os outros dias dessa viagem:

Dois dias em... Hannover - Alemanha

Um dia em... Viena - Áustria

Um dia em... Zurique - Suíça

Um dia em... Hamburgo - Alemanha

 

Comentários

Seja o primeiro a comentar sobre esse POST!


Comente:



TAGS

Amsterdam, Amsterdã, o que fazer em amsterdam, onde comer, coffeshop, Dia da Rainha, europa, Heineken, Heineken Experience, Holanda, trem ICE, de trem até amsterdam, Rijksmuseum, trem ICE, museu van gogh